#LiberaLady

Em recente visita ao Santuário dos Elefantes Brasil, localizado na Chapa dos Guimarães, no Estado do Mato Grosso, a deputada estadual Estela Bezerra constatou que o espaço é totalmente adequado para receber Lady, que hoje se encontra vivendo sozinha.

Estela, que é presidente da Frente Parlamentar Ambientalista, afirmou que o Santuário oferece todas as condições para que Lady possa viver de forma saudável, ao lado de outros elefantes. “O espaço é ideal porque além de ter o espaço e as condições de ambiente muito mais favoráveis, Lady vai conviver com outros animais de sua espécie, e isso é importante uma vez que os elefantes são animais sociáveis, que vivem em bando”, afirmou.

O Santuário dos Elefantes é uma organização da sociedade civil, sem fins lucrativos, que resgata elefantes cativos em situação de risco e oferece a eles o espaço, as condições e os cuidados necessários para que possam se recuperar física e emocionalmente dos anos passados em cativeiro. Fundado em 2013 e é o único Santuário da América Latina. O local já abriga outras duas elefantas, Maia e Rana.

Estela vem acompanhando a situação de Lady desde agosto, quando visitou o Parque Arruda Câmara com o objetivo de observar, in loco, a situação do animal. Lady foi doada pelo circo em que vivia sob cárcere. “A boa vontade em acolher foi louvável, mas a situação da elefanta é delicada e, hoje o espaço de acolhimento não é mais adequado para sua vivência”, afirmou Estela na ocasião.

No início do mês de outubro, a Assembleia Legislativa da Paraíba aprovou o requerimento de autoria da deputada que solicita à Prefeitura de João Pessoa a transferência da elefanta Lady para um local adequado, protegido e seguro, considerando o parecer técnico do Ministério Público Federal e da Procuradoria da República na Paraíba.

Na manhã desta sexta-feira (18), a deputada Estela participa da audiência de conciliação que pode decidir o futuro de Lady.

Ramba

A elefanta Ramba está a caminho do Santuário dos Elefantes, em Chapada Guimarães, há 65 km, de Cuiabá. Ela saiu do Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), nesta quarta-feira (16) e deve chegar ao destino final, nesta sexta-feira (18).

De Santiago, no Chile, ela foi transportada de avião, um boeing 747 cargueiro. O animal, de 3,6 toneladas, já está em solo mato-grossense e está sendo levada de carreta até o Santuário.

A última elefanta resgatada de um circo no Chile tem aproximadamente 52 anos e foi vítima de maus-tratos por mais de 30 anos. Após quase sete anos de espera, ela finalmente o animal deixou a pequena morada no Parque Safari, em Rancágua, para viver nos 1.100 hectares que dispõe o Santuário dos Elefantes.