Fomentar a discussão sobre um Plano Nacional de Contingenciamento para enfrentamento de catástrofes ambientais como o derramamento de óleo que assolou as praias paraibanas e do Nordeste. Este é o resultado da reunião comandada pela deputada estadual Estela Bezerra (PSB) nesta quinta-feira (24), no âmbito da Frente Parlamentar Ambientalista e que contou com a presença de órgãos e instituições. Ainda ficou decidido sobre a elaboração de um relatório sobre os assuntos discutidos na reunião para encaminhar ao Consórcio de Governadores do Nordeste e contribuir ainda mais para a discussão do assunto.

Participaram da reunião a Universidade Federal da Paraíba (UFPB), o Ministério Público Federal (MPF), o Ministério Público Estadual (MPPB), a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), a Secretaria de Meio Ambiente da Prefeitura Municipal de João Pessoa (Semam), a Defesa Civil de João Pessoa, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), O Instituto Projeto Público e a ONG Minha Jampa, além de representantes das prefeituras de Mataraca e Cabedelo. Além de Estela, a deputada Cida Ramos (PSB), também esteve presente às discussões.

Na ocasião, Estela anunciou que a Frente vai manter diálogo com o Fórum de Contingenciamento que está sendo liderado pela Capitania dos Portos da Paraíba, e conta no seu colegiado com instituições de ensino e pesquisa que atuam na área. A Frente também vai monitorar o que o governo está fazendo e favorecer à sociedade ter informações adequadas sobre os perigos do contato com os resíduos de petróleo.

Estela acrescentou ainda que a Frente vai estabelecer uma comunicação proativa de todos os órgãos junto às colônias de pescadores às associações de marisqueiras e aos guias de turismo – “que são, por fim, as pessoas que vivem e sobrevivem daquele ecossistema”.

Estela ainda participou, no início desta manhã, de uma reunião estratégica na Capital dos Portos da Paraíba sobre as ações que a Paraíba em tido desde que o governador João Azevêdo se reuniu no início da semana para tratar do problema. O convite partiu do Capitão dos Portos da Paraíba Capitão de Fragata Rodrigo Amaral Godoy.

Participaram representantes do exército, Sudema, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil do Estado e do município do Conde, Secretaria de Recursos Hídricos, Transpetro, ICMBio e IBAMA.

“Vamos encaminhar uma ação, junto à Comissão de Cultura e Desportos, no sentido de pautar, no fervor do assunto, o incentivo à criação de um compromisso do ensino público com a educação ambiental. Parte da nossa desinformação e do nosso despreparo tem a ver com a ausência de uma educação ambiental”, disse a parlamentar.

Estela em reunião na Capitania dos Portos